No Fluminense, Fred terá participa??o em receita com venda de produtos e até com patrocinadores

Clube criará marca exclusiva do atacante e valores arrecadados ser?o divididos
Contrato assinado entre Fred e Fluminense possui cláusulas variáveis que fazem rendimento crescer Foto: Mailson Santana/Fluminense FC / Mailson Santana/Fluminense FC
Contrato assinado entre Fred e Fluminense possui cláusulas variáveis que fazem rendimento crescer Foto: Mailson Santana/Fluminense FC / Mailson Santana/Fluminense FC

Neste domingo, contra o Volta Redonda, às 19h, o atacante Fred voltará a jogar pelo Fluminense. Para viabilizar este retorno depois de quatro, no entanto, foi preciso uma engenharia financeira. De participa??o em vendas de camisas até em receita com patrocinador, o contrato está cercado de cláusulas variáveis. O objetiivo delas é compensar a dificuldade do clube em pagar ao atacante o mesmo que ele recebia no Cruzeiro.

MARACAN? 70 ANOS:Os 70 jogos mais importantes da história do estádio

Em Belo Horizonte, Fred tinha rendimentos que giravam em torno dos R$ 850 mil. No Fluminense, mesmo somando o salário previsto na carteira de trabalho com os direitos de imagem, ele n?o ganhará nem metade deste valor. Mas sua capacidade de atra??o de novos sócios, de venda de produtos e até de obten??o de patrocinadores pode equilibrar esta conta, já que ele terá direito a um percentual em cada uma destas fontes de receita.

- A gente construiu o contrato com uma parte fixa na carteira e uma parte menor fixa na imagem, como permite a Lei Pelé. E o restante é em cima dessas variáveis n?o só de crescimento da base de sócios vinculada a chegada dele como também na questao da linha de produtos, que vai fazer com que o Fred seja nosso parceiro. O comparecimento dele nos eventos, a rela??o com os patrocinadores que ele possa trazer para o Fluminense,  tudo o que for angariado em raz?o da imagem dele o clube tem um percentual e o Fred também. Para ser mais claro, o percentual maior é do Fluminense - explicou o presidente Mário Bittencourt.

RANKING:Os 30 maiores ídolos da história do Fluminense

O dirigente contou que uma linha de produtos ligada à marca Fred e a ao número 9 será lan?ada em breve. O atacante e seu estafe participam da cria??o aprovando e até dando sugest?es nas pe?as.

- Parte do contrato do é relacionada justamente à explora??o da imagem dele. Nós vamos ter uma linha de produtos exclusiva do Fred. Isso vai incluir desde camisa até outros produtos que a gente já criou. No nosso contrato há a necessidade que coloquemos os produtos primeiro para o Fred e a equipe dele avaliarem. Mas posso dizer que vai ter muita coisa legal. E isso vai fazer parte do que deixamos no contrato sobre o pós-carreira, de que essa linha de priodutos siga com o Fred - afirmou o presidente tricolor.

- A linha de produtos é fundamental até para que a gente possa identificar de onde vem a receita. Se n?o tiver uma linha de produtos específica n?o tem como aferir no contrato de onde vem o resultado. Vai ter uma marca, um selo Fred para que a gente possa auditar todo este intrumento que construímos de retorno dele.

CONHE?A:Seis jogos que ajudam a entender a história do Fluminense

Fred teve sua estreia confirmada para este domingo. Mas, nestes dois primeiros meses, deve receber bem menos do que foi acertado com o Fluminense. Isso porque, pelo combinado, enquanto o Campeonato Brasileiro n?o tiver início o clube pagará apenas dois salários mínimos ao atleta.

- Ele aceitou vir numa condi??o bastante inferior a que tinha e, mais ainda, se colocou dentro do acordo coeltivo que foi feito com os jogadoes durante a pandemia. Fez um acerto conosco de que vai receber dois salários mínimos enquanto n?o houver jogo do Campoenato Brasileiro - concluiu Bittencourt.

Nesta quinta, após reuni?o com os cubes, a CBF definiu 9 de agosto como provável data de início do Brasileiro. No entanto, a concretiza??o passa por como a pandemia de Covid-19 irá se comportar nas próximas semanas e da libera??o das autoridades estaduais e municipais.

116美女写真